Actividade de BetClic declarada ilegal em Portugal

O mês de Março fica marcado em Portugal por outra decisão contra uma das grandes marcas de apostas desportivas no mercado. Desta vez foi a BetClic que viu as varas cíveis de Lisboa declararem ilícita e ilegal a actividade da BetClic.

A publicidade foi imediatamente proibida e a empresa interdita de explorar em Portugal jogos de lotarias e apostas mútuas desportivas. A decisão foi ainda mais longe quando foi ordenado igualmente que os órgãos de comunicação social fossem devidamente alertados a fim de se evitar qualquer tipo de publicidade ou divulgação.

Foi igualmente avançada a informação por parte do advogado da PLMJ, Pedro Faria, que caso as empresas do grupo BetClic desrespeitem a sentença, estarão condenadas ao pagamento de 50 mil euros por cada violação.

Mais ainda, a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa colocou uma Providência Cautelar contra todos os clubes de futebol das ligas nacionais que assinaram contrato de publicidade com a BetClic.

Tal já criou várias reacções a nível nacional com os clubes de futebol a mostrarem-se amplamente preocupados com o caminho que a falta de legalização do jogo online está a levar em Portugal. Patrocínios como os da BetClic, mostram-se fundamentais para equipas de pequena e média dimensão que vêem com bons olhos o dinheiro do patrocínio da BetClic.

Passadas 24 horas após a decisão do tribunal, a BetClic fez saber que apesar de dispor de 30 dias para analisar a decisão e recorrer é possível que seja mesmo obrigada a retirar toda a publicidade dos clubes profissionais portugueses.