Bwin recebe sentença de um tribunal alemão

O conflito legal que se arrastava já há 6 anos em território alemão entre a Bwin e a Westlotto terminou com decisão favorável à Bwin.

Tudo se iniciou em 2004, quando a West German Lottery Company (Westlotto) tentou impedir que a Bwin anunciasse as suas apostas desportivas, casinos e lotos em solo alemão.

O desfecho desta demanda é resultado directo da acção da Bwin.

De qualquer forma, a Bwin já tinha visto os tribunais decidirem por duas vezes a favor de Westlotto.

Logo após o desfecho, Norbert Teufelberger, C.E.O da Bwin fez um apelo no sentido de se criar uma regulamentação para o jogo online. Este afirmou: “Perante o interesse de todas as partes envolvidas, é altura de preparar o caminho para uma regulamentação moderna do jogo online na Alemanha. Temos esperança que a Alemanha siga os exemplos de França e Itália. Assim como o Reino Unido, estes dois países regulamentaram a abertura dos seus mercados a fim de se ponderar factores como as condições do mercado, o combate à fraude e a protecção do jogador.”

No ano de 2008 foi homologado um tratado que proíbe toda e qualquer organização/intermediação de jogos online. O tratado expira em 2012. As entidades competentes argumentam que o monopólio facilita o controlo.

No entanto, a Bwin refuta ao afirmar que 95% das receitas geradas em território alemão vêm de sites não regulamentados.

Sobre isto, Teufelberger acrescenta: “Esse tratado vem dizer que o jogo é um vício e potencialmente um perigo para o público e que apenas o estado será capaz de controlar essa necessidade. No entanto, esse objectivo só poderá ser alcançado através dum modelo regulado. Mais ainda, vamos continuar a apoiar um regulamento que seja positivo para o jogo online, partilhando sempre que necessário os nossos conhecimentos e sabedoria na área.”