Polónia vai ter novas leis no jogo online

O jogo online e as apostas desportivas são uma realidade na Europa e poucos governos conseguem já evitar ou contornar a questão.

Assim, é fácil compreender que a maioria dos países europeus estão perante uma mudança nas suas leis para com esta indústria altamente lucrativa.

Independentemente da intenção de regular a proibir a actividade desta indústria, os governos da maioria dos países tentam encontrar soluções para os seus estados.

A Polónia surge agora como um desses países. A Polónia encontra-se actualmente a estudar a legalização das apostas desportivas online. Apesar de há 2 anos atrás o Primeiro-Ministro, Donald Tusk, ter afirmado que jamais a Polónia legalizaria as apostas online, as coisas mostram-se agora diferentes.

O dono da mudança é Jacek Rostowski, ministro das finanças. Este confessou que as novas leis do jogo online deverão ser anunciadas em Junho próximo. O plano do governo polaco passa por cobrar 12% de imposto aos operadores de apostas online.

No entanto, ecos já surgiram que a Comissão Europeia iria alterar essa taxa, já que na Grécia, tais valores geraram bastante controvérsia. Mais ainda, esta nova legislação apresentará outras directrizes como garantir a operacionalidade da actividade no país.

Isto é, todos os operadores de apostas desportivas online terão de operar em sites dentro do país, assegurando assim que todas as operações financeiras decorrem através das instituições bancárias registadas na Polónia.

De salientar ainda que os operadores deverão adquirir endereços de Internet com o sufixo do país, neste o .pl (no caso de Portugal seria .pt).

Com os ventos de mudança a surgirem um pouco por toda a Europa, seria de esperar (ou pelo menos desejar), que Portugal já apresentasse uma situação mais esclarecida. Infelizmente, e apesar de muito debate, a situação em território nacional continua num impasse sem resolução à vista.